O verão começou e a temporada de viagens em cruzeiros está no seu auge com a chegada dos navios europeus. De acordo com a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), a temporada 2016/2017, que começou em novembro e vai até 18 de abril, está repleta de roteiros internacionais e a América Latina é uma das apostas para viajar, correspondendo a exatamente metade dos 108 roteiros deste verão.

As saídas mais comuns não passam muito pela costa brasileira, porém Buenos Aires e outros destinos sul-americanos ganham destaque, com 54 saídas. E com tantas opções bacanas para aproveitar a temporada, fazer as malas para este tipo de programa pode parecer um pouco complicado, mas não é.

É importante saber que não há limite de bagagens, mas a Abremar sugere que cada passageiro leve dois volumes de no máximo 20 kg cada e tamanhos de 40 cm x 60 cm x 30 cm. Além disso, boa parte dos navios tem academia, pista de caminhada, piscinas, aulas de dança, jantares, festas e muitas outras atividades que exigem trajes adequados e que não podem ficar de fora na hora de fazer as malas para viajar. Quer aprender como fazer a sua para curtir o verão em alto-mar? Continue a leitura!

Como fazer as malas?

1. Informe-se sobre as atividades do navio

Os cruzeiros costumam ter inúmeras atividades inclusas, que são programadas e avisadas por meio de informativos deixados nas cabines todos os dias. Por isso, o primeiro passo é pensar que tipo de atividade você vai querer fazer durante a viagem. Vai ficar na piscina o dia todo? Pretende participar dos jantares de gala e baladas? Quer ficar tranquilo lendo um livro e apreciando o oceano? Vai participar de alguma excursão em terra? Saber essas informações de antemão é o primeiro passo para começar a arrumar as malas para a viagem.

2. Experimente os looks antes de colocar na mala

A dica de ouro é: vista o que pretende levar antes para que consiga fazer mais combinações com a menor quantidade de roupa possível. Para ganhar espaço, faça rolinhos com as roupas que não amassam com facilidade e fique sempre atento aos locais de parada do navio para levar o essencial e adequado ao clima que vai enfrentar.

2. Dê atenção especial à mala de mão

Geralmente, cada navio leva em torno de 3.000 malas e a sua pode demorar um pouco para chegar na cabine. Sendo assim, coloque na mala de mão uma muda de roupa, trajes de banho, objetos pessoais como documentos e eletrônicos, remédios e alguns itens de higiene que você já pode ir usando enquanto o resto das suas coisas não chega.

O que levar?

Os navios possuem algumas regras que precisam ser seguidas para se aproveitar ao máximo a viagem. Em geral recomenda-se que os tripulantes não circulem com trajes de banho pelos corredores e que durante os jantares sejam usadas roupas específicas.

Verifique com a companhia antecipadamente os trajes exigidos nos jantares de cada roteiro. Normalmente são aceitos esporte e esporte fino, além do traje de gala em eventos especiais, como o Jantar do Comandante.

Para você não se perder, preparamos uma lista de itens básicos e que podem ser complementadas de acordo com o seu roteiro:

  • 4 a 5 blusas ou camisetas
  • 3 vestidos de tecidos leves
  • 2 saias, shorts ou bermudas
  • roupa de ginástica e 1 par de tênis
  • 2 pijamas
  • 2 lingeries por dia
  • 1 jaqueta leve
  • 1 calça
  • roupa social para eventos de gala
  • 2 a 3 roupas de banho
  • bolsa de praia
  • óculos de sol
  • 1 ou 2 saídas de praia
  • 1 canga
  • 2 toalhas
  • 1 chinelo, 1 rasteirinha e 1 sandália (para eventos noturnos)
  • bolsa de cor neutra
  • produtos de higiene pessoal, protetor solar remédios etc.

Importante lembrar que no caso dos sapatos, o ideal é acondicioná-los em saquinhos para evitar que amassem ou sujem as roupas dentro da mala. Quanto às roupas, disponha primeiro as peças que amassam menos e por último os tecidos leves que amassam facilmente. 

Gostou das dicas? Se você já esteve em um cruzeiro, deixe seu comentário  com suas dicas de como fazer as malas para a viagem!