fbpx

Como escolher as peças íntimas para seu guarda-roupa?

Do básico ao sexy, do algodão à renda: toda mulher necessita de peças íntimas de qualidade e que garantam conforto. Mesmo com o dia a dia corrido e diversas opções de looks da moda, a mulher precisa ter em mente que lingerie é fundamental e que uma boa peça íntima merece investimento, atenção e cuidado.

Não adianta escolher as melhores roupas e investir em marcas famosas, mas, na hora de comprar um sutiã, escolher um modelo que te machuque ou que faça você ficar o dia todo incomodada, com vontade de trocar de roupa.

Por isso, preparamos uma lista com dicas de como escolher as peças íntimas para seu guarda-roupa com segurança. Continue acompanhando e confira!

As peças íntimas são suas aliadas

Não pense que por estarem “escondidas” sob vestidos, calças e blusas, as peças íntimas não devem estar de acordo com o look. Engana-se você que acha que um sutiã básico pode ser usado qualquer tipo de roupa.

As peças íntimas podem vir em diferentes tecidos: os mais comuns são poliéster e algodão. Escolha sempre o tipo de tecido que mais se adéqua ao seu corpo e ao seu dia a dia. Depois, pesquise por modelos que você sinta que valorizam o seu corpo.

Se a sua cintura é maior, que tal calcinhas mais altas? Se você tem pouco glúteo, que tal calcinhas com modelos menores, como a tanga? A lingerie deve ser uma aliada nas produções de looks e na hora de nos olharmos no espelho.

Os looks e as lingeries

Toda roupa precisa de uma bolsa e de um sapato adequados para que fique perfeita. O mesmo acontece com as peças íntimas.

Os vestidos mais justos combinam com modelos que não marquem e que ajudem a segurar a barriga mais saliente no lugar. Já as blusas mais decotadas pedem um sutiã com boa sustentação e bojo para deixar o colo mais bonito. As calças e saias mais justas ficam melhores no corpo quando a calcinha for escolhida pensando-se no modelo.

Outra dica é ver se a roupa marca muito barriga, culote e cintura, locais mais difíceis de manter em forma no corpo feminino. Desse modo, aproveite a lingerie para modelar seu corpo: calcinhas, cintas e corpetes modeladores são ótimas opções coringas para se ter no guarda-roupa.

Do sutiã tomara que caia ao nude

O verão é a época em que nós, mulheres, mais sofremos para escolher lingerie. Os vestidos e blusas de alça fina pedem produções mais charmosas. Usar aquela blusa delicada com uma alça de sutiã grossa aparecendo definitivamente não é legal.

Por isso, toda mulher precisa ter no guarda-roupa um sutiã tomara que caia que sustente bem os seios. Você precisa vesti-lo e se sentir confortável para sair com modelos de roupas mais soltas com alças finas.

Outra opção que não pode faltar no guarda-roupa, sobretudo se você trabalha com blusas de tecidos finos e sociais, é o sutiã nude ou bege. As blusas sociais, ainda mais as de cores claras como branco e nude ou em tons pastel, podem dar a impressão de ficarem mais “transparentes” se usadas com um sutiã de cor forte.

Calcinhas de algodão, sem costura ou com renda

Calcinha precisa ser confortável. Sim, até mesmo aquelas sensuais cheias de renda. Às vezes, o dia corrido de trabalho, a academia, o cuidar dos filhos e tudo mais faz com que tenhamos que passar o tempo todo na rua com a mesma calcinha.

Opte por calcinhas de algodão e sem costura, pois elas são confortáveis, não apertam a pele e não marcam a roupa, deixando qualquer produção, da calça social à calça de ginástica, intacta. A calcinha de renda pode ser uma ótima opção mais sexy para momentos a dois, mas não se esqueça de que ela também pode ser confortável. Que tal escolher um modelo com renda na cintura e forro de algodão?

Agora que você já sabe como escolher as peças íntimas para seu guarda-roupa, que tal conferir dicas sobre o tipo de roupa ideal para cada corpo?

One thought on “Como escolher as peças íntimas para seu guarda-roupa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *